quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Betânia ♥

Ela segurou o vestido e correu. Desceu as escadas. Gritou, chorou, esperneou. A mãe tentou segurá-la, mas não adiantou. O choro manchou sua maquiagem. Ela tentou fazê-lo ficar, mas foi em vão. Ele partiu, estava convencido de que ali não era o seu lugar. O tempo passou, mas ele não veio. Daquele dia em diante ela parece cuidar do tempo, fixou o olhar no ponto onde a saudade fez a curva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário